Curso de Aprimoramento em Hipertensão e Nefrologia

– As inscrições deverão ser realizadas pelo site www.cursos.idpc.org.br no período de 01/10/2018 até 30/11/2018.
– Consulte o Edital

Qualificar médicos na área da cardiologia para especialização no atendimento ambulatorial e hospitalar dos pacientes portadores de hipertensão arterial, ressaltando os aspectos preventivos, diagnósticos e o tratamento clínico-cirúrgico, enfatizando a necessidade de um entrosamento com outros profissionais e especialistas envolvidos no atendimento dos pacientes. Preparar profissionais capazes de conduzir levantamento de dados, analisar e procurar soluções para os problemas da assistência médica ao cardíaco na área de atuação, empregando métodos atuais de epidemiologia clínica. Treinamento específico em MAPA (Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial) e análise da função vascular através da VOP (Velocidade de onda de pulso) e da pressão central e índice de incrementação (Augmentation index). Treinamento no laboratório do sono estudando as relações dos distúrbios do sono com as doenças cardiovasculares. Ao final de um ano o cardiologista deverá ter conhecimento sobre:

– Etiologia, fisiopatologia, diagnóstico e tratamento da hipertensão arterial primária e secundária (feocromocitoma, hiperaldosteronismo primário, hipertensão renovascular e distúrbios do sono).

– Análise de MAPA e função vascular

– Estruturação de um serviço multiprofissional para o atendimento do hipertenso

– Como realizar um trabalho original.

Coordenador

Dr. Celso Amodeo

Vice-Coordenador

Dr. Flávio Antonio Borelli

Corpo Docente

  1. Dr. Oswaldo Passarelli Jr – cardiologia
  2. Dr. Marcio Gonçalves Sousa – cardiologia
  3. Dr. Antonio Carlos Cordeiro Jr – nefrologia
  4. Dra. Leda Daud Lotaif – nefrologia
 Número de vagas: 2 (duas)
 Duração do curso: 1 (um) ano
 Carga horária total: 960 horas
 Carga prática/teórica: 768 horas / 192 horas
 Período do curso: Março/2019 a fevereiro de 2020
 Pré-Requisitos: 2 (dois) anos de residência em cardiologia clínica em Instituição credenciada pelo MEC ou pela SBC.
 Critérios de seleção: Prova Objetiva, Análise do Curriculum Vitae e entrevista.

O curso será divido em:

– Atividades ambulatoriais e hospitalares práticas e teóricas;

– Pesquisa relacionada hipertensão arterial e risco cardiovascular.

Hospital:                   

– Atividade prática: Seguimento de pacientes hipertensos resistentes internados para análise de aderência ao tratamento e investigação de componentes secundários no quadro clínico da hipertensão arterial.

Participação das atividades hospitalares que correspondem a: visita diárias junto com os residentes da instituição e sob a supervisão do staff médico da seção.

– Atividade teórica: Discussão de casos clínicos, discussão de artigos, aulas teóricas ministradas e participação nos fóruns.

– Atividade científica: Elaboração de pelo menos um trabalho de pesquisa original para apresentação em Congresso e publicação em revista científica, ou revisão bibliográfica de um tema escolhido.

 

Ambulatório:

– Atividade prática: A sessão de hipertensão e nefrologia atende cerca de 70 pacientes/dia, na grande maioria portadores de hipertensão resistente e outras comorbidades como diabetes, insuficiência cardíaca e/ou renal.

– Atividade teórica: O aprimorando fica responsável pela escolha dos artigos e supervisão dos artigos de revista que serão apresentados junto com os residentes nas reuniões de discussão de artigos.

Apresentação de aula teórica em sistema de rodízio junto com os residentes da seção.

– Atividade científica: preparação de pelo menos um trabalho de pesquisa original para apresentação no Congresso da SOCESP ou da SBC, ou revisão bibliográfica de um tema escolhido e posterior publicação.