Comissão de Residência Multiprofissional - COREMU

Veja mais clicando nos títulos abaixo:

Apresentação

Os Programas de Residência em Saúde constituem modalidade de ensino de Pós-Graduação Lato Sensu, caracterizados por ensino em serviço. Criadas a partir da promulgação da Lei n° 11.129 de 2005, as residências são orientadas pelos princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS), a partir das necessidades e realidades locais e regionais.
O Programa de Residência de Enfermagem Cardiovascular foi iniciado em 2016, e o Programa de Residência Multiprofissional em Saúde Cardiovascular abrangendo as áreas de enfermagem, fisioterapia, nutrição e serviço social em 2017. (Resolução CNS nº 287/1998).
A carga horária mínima é de 5.760 horas, cumpridas por meio de jornada de 60 horas semanais, sendo 48 horas distribuídas em atividades práticas (total de 4.608 horas) e 12 horas em atividades teóricas (total de 1.152 horas), em regime de dedicação exclusiva em período integral.

Comissão de Residência Multiprofissional - COREMU

Constituição atual:

Coordenadora: Dra. Rika Miyahara Kobayashi

Vice Coordenadora: Dra. Nadja Maria Codá dos Santos

Representante da Instituição: Dr. Carlos Gun

Representante Local Secretaria da Saúde: Dra. Irene Abramovich

Coordenadoras dos Programas: Dra. Rika Miyahara Kobayashi

Me. Celia Hiromi Shiotsu

Representantes dos Tutores: Me. Cristiane Kovacs Amaral

Me. Amanda Silva de Macedo Bezerra

Representantes dos Preceptores: Me. Marília Amorim Souza Leão

Me. Ana Paula da Conceição

Representantes dos Residentes: Francisco Félix

Pedro Paulo de Mattos Moreno

Secretaria COREMU

Programa de Residência  Multiprofissional em Saúde Cardiovascular
Secretária: Quênia Salatiel da Silva
Tel. 5085.6848
resmulti@idpc.org.br
Av. Dr. Dante Pazzanese, 500 – Vila Mariana
São Paulo – SP – CEP: 04012-909
Prédio I – Edifício Michel Batlouni, subsolo – Ambulatório Multidisciplinar

 

Programa de Residência em Enfermagem Cardiovascular
Elaine C. Peres
tel. 5085.6421
residenfcardio@idpc.org.br  e  coremu@idpc.org.br
Av. Dr. Dante Pazzanese, 500 – Vila Mariana
São Paulo – SP – CEP: 04012-909
Prédio Dr. Adib Jatene (Torre) –  7º Andar – Serviço de Educação Continuada

Programas de Residência em Saúde:

Programa de Residência em Enfermagem Cardiovascular

Coordenadora: Me. Celia Hiromi Shiotsu
Vice-Coordenadora: Me. Manoela Gomes Grossi Laprano
NDAE: Me. Celia Hiromi Shiotsu

Me. César Augusto Guimarães Marcelino

Me. Edna Valéria da Silva

Dra. Evelise Helena Fadini Reis Brunori

Dra. Rika Miyahara Kobayashi

 

Objetivo Geral

Formar Enfermeiros com especificidade na área Cardiovascular, atuantes em defesa da consolidação do Sistema Único de Saúde, orientado para a melhoria das condições de atendimento à Saúde da população, das condições de trabalho e para o trabalhador nas instituições de Saúde.

 

Perfil do Egresso

Ser um profissional de enfermagem inserido na sociedade, capaz de identificar as prioridades da saúde, planejar, desenvolver e avaliar as ações junto a equipe de trabalho, com fundamentação técnico-científica específica na área Cardiovascular, a visão ético- política e educativa, que contribuam para a qualidade assistencial conforme a política de saúde vigente, fortalecendo o Sistema Único de Saúde. Saber articular diretrizes e Programas Nacionais para a assistência integral aos pacientes com afecções crônicas, em especial as cardiovasculares, em instituições de alta complexidade, subsidiadas por modelos conceituais, processos assistenciais de métodos diagnósticos, terapêuticos, e com atuação multidisciplinar, nos vários níveis de atenção à saúde. Ser profissional com responsabilidade, compromisso, ética, liderança, motivação, respeito à hierarquia, flexibilidade, adaptabilidade, criatividade, iniciativa, bom relacionamento interpessoal, interesse pelo crescimento pessoal e profissional, com capacidade de tomada de decisões contextualizadas historicamente e que avalie os resultados e consequências de sua ação, visando a qualidade da prestação de serviço ao usuário e o seu desenvolvimento profissional. Capaz de planejar, desenvolver e avaliar as ações de promoção, recuperação, prevenção de doenças e reabilitação do paciente com afecções cardiovasculares com necessidade de atendimento à saúde, com agravos e/ou com risco de agravos, quer no âmbito individual, familiar e da comunidade. Investir continuamente na sua capacitação profissional desenvolvendo as competências, as habilidades ético- políticas, técnico-científicas e tecnológicas, acompanhando o mundo em transformação, por meio de educação permanente e contribuindo para a produção e divulgação do conhecimento na área Cardiovascular.

Programa de Residência Multiprofissional em Saúde Cardiovascular

Coordenadora: Dra. Rika M. Kobayashi
Vice-Coordenadora: Dra. Nadja Maria Codá dos Santos
NDAE de Enfermagem: Me. Manoela Gomes Grossi
NDAE de Fisioterapia: Me. Marília Souza Leão
NDAE de Nutrição: Me. Cristiane Kovacs Amaral
NDAE Serviço Social: Dra Nadja Maria Codá dos Santos

Objetivo Geral

Formar recursos humanos qualificados para a Saúde, com especificidade na área Cardiovascular, atuantes no mundo do trabalho, em defesa da consolidação do Sistema Único de Saúde, orientado para a melhoria das condições de atendimento à Saúde da população, das condições de trabalho e para o trabalhador nas instituições de Saúde.

 

Perfil do Egresso

Perfil Geral dos Egressos da Área Profissional – ENFERMAGEM

Enfermeiros especializados na Modalidade Residência, na área Cardiovascular, qualificados para assistência à Saúde, como parte integrante da equipe multiprofissional, nos diferentes níveis de atenção preventiva, curativa, de recuperação e reabilitação, aptos a atuarem nos processos de trabalho da assistência, ensino, gestão e pesquisa.

 

Perfil Geral dos Egressos da Área Profissional – FISIOTERAPIA

Profissionais especializados na área cardiovascular, buscando a promoção da saúde baseada em evidências científicas, da cidadania, da ética e do comprometimento social.
Ser agente de transformação da realidade com uma visão ético-política e educativa, que contribua para a qualidade assistencial sistematizada, integral e humanizada, aos pacientes com afecções cardiovasculares, respeitando os direitos de equidade, universalidade e integralidade da assistência à saúde. Ter habilidade técnica para prestar assistência fisioterápica aos pacientes com afecções cardiovasculares nos diversos âmbitos de atenção hospitalar e ambulatorial promovendo integração multiprofissional. Ter discernimento clínico e crítico para o aprimoramento profissional e científico, despertando a importância e interesse à pesquisa. Atuar na perspectiva multiprofissional e interdisciplinar de maneira produtiva, com bom relacionamento interpessoal, respeito profissional e à hierarquia. Ser profissional capaz de planejar, desenvolver e avaliar as ações de promoção, recuperação, prevenção de doenças e reabilitação do paciente com afecções cardiovasculares com necessidade de atendimento à saúde, com agravos e/ou com risco de agravos, quer no âmbito individual, familiar e da comunidade, engajado na equipe multiprofissional desenvolvendo o trabalho colaborativo. Ser profissional com responsabilidade, compromisso, ética, liderança, motivação, flexibilidade, adaptabilidade, criatividade, iniciativa, bom relacionamento interpessoal, interesse pelo crescimento pessoal e profissional, com capacidade de tomar decisões contextualizadas historicamente e que avalie os resultados e consequências de suas ações, visando a qualidade da prestação do serviço ao usuário e o seu desenvolvimento profissional. Ser agente capaz de investir continuamente em sua educação permanente e contribuir para a produção e divulgação do conhecimento multiprofissional na área cardiovascular.

 

Perfil Geral dos Egressos da Área Profissional – NUTRIÇÃO

Ser um agente de transformação da realidade em que se insere, por meio de processos de trabalho da nutrição, tendo como base a fundamentação teórica, científica específica baseada em evidências na área Cardiovascular, a visão ético-política e educativa, que contribuam para a qualidade assistencial sistematizada, integral e humanizada, ao paciente com distúrbios metabólicos e afecções cardiovasculares, no contexto político-social de inclusão do cidadão, respeitando os direitos de equidade, universalidade e integralidade da assistência à saúde. Articular as diretrizes e Programas Nacionais para a assistência nutricional integral aos pacientes com afecções crônicas, em especial as cardiovasculares, em instituições de alta complexidade, nos vários níveis de atenção à saúde. Desenvolver a assistência nutricional, seguindo os princípios das Ciências da Nutrição, tendo como responsabilidade contribuir para promover, preservar e recuperar a saúde do paciente, direcionado ao atendimento das necessidades alimentares e nutricionais. Ser profissional capaz de planejar, desenvolver e avaliar as ações de promoção, recuperação, prevenção de doenças e reabilitação do paciente com afecções cardiovasculares com necessidade de atendimento à saúde, com agravos e/ou com risco de agravos, quer no âmbito individual, familiar e da comunidade, engajado na equipe multiprofissional desenvolvendo o trabalho colaborativo. Ser profissional com responsabilidade, compromisso, ética, liderança, motivação, respeito a hierarquia, flexibilidade, adaptabilidade, criatividade, iniciativa, bom relacionamento interpessoal, interesse pelo crescimento pessoal e profissional, com capacidade de tomar decisões contextualizadas historicamente e que avalie os resultados e consequências de sua ação, visando à qualidade da prestação do serviço ao usuário e o seu desenvolvimento profissional. Ser agente capaz de investir continuamente em sua educação permanente e contribuir para a produção e divulgação do conhecimento multiprofissional na área Cardiovascular.

 

Perfil Geral dos Egressos da Área Profissional – SERVIÇO SOCIAL

Profissional capacitado para o atendimento social aos sujeitos com afecções cardiovasculares: individualmente, em grupos, seus familiares e/ou a comunidade, durante o tratamento ambulatorial, de internação e domiciliar, em interação com a equipe multiprofissional. Suas ações devem estar identificadas com a prática interdisciplinar no cuidado integral em saúde fundamentada no Projeto Ético-Político do Serviço Social, que tem o compromisso com a população usuária dos serviços de saúde, na divulgação dos direitos sociais como estratégia para ampliação das políticas públicas sociais e do controle social em saúde.
Ser profissional capaz de planejar, desenvolver e avaliar as ações de promoção, recuperação, prevenção de doenças e reabilitação do paciente com afecções cardiovasculares com necessidade de atendimento à saúde, com agravos e/ou com risco de agravos, quer no âmbito individual, familiar e da comunidade, engajado na equipe multiprofissional desenvolvendo o trabalho colaborativo.Ser profissional com responsabilidade, compromisso, ética, liderança, motivação, respeito a hierarquia, flexibilidade, adaptabilidade, criatividade, iniciativa, bom relacionamento interpessoal, interesse pelo crescimento pessoal e profissional, com capacidade de tomar decisões contextualizadas historicamente e que avalie os resultados e consequências de sua ação, visando à qualidade da prestação do serviço ao usuário e o seu desenvolvimento profissional.Ser agente capaz de investir continuamente em sua educação permanente e contribuir para a produção e divulgação do conhecimento multiprofissional na área Cardiovascular.